Sorvete, gelato e sorbet: entenda a diferença entre as guloseimas

Uma foto com cinco potes de sorvete viralizou no Twitter recentemente. Uma usuária da rede contou aos seus seguidores que só poderia comer alimentos gelados por um período e que, por isso, seu pai comprou aquilo tudo para ela. Pois nem bem o sorvete começou a derreter e outros usuários começaram a debater sobre privilégios financeiros — já que a marca do tal sorvete é considerada cara — e sobre paternidade, pois nem todos os pais dão sorvete para os filhos.

No entanto, existe um debate muito mais interessante para ser travado quando o assunto é essa sobremesa gelada — e ele passou despercebido pelos tuiteiros: a diferença entre sorvete, sorbet e gelato. Antes que você comece a tuitar sobre o tema, vamos entender de uma vez por todas esse assunto?

O que é sorvete?

Fonte: ShutterstockFonte: Shutterstock

Podemos definir o sorvete como o mais industrializado entre as três sobremesas. Na verdade, em muitos países, não existem tantas palavras para definir o sorvete. É comum diferenciá-lo por “sorvete tradicional” e “sorvete artesanal”.

Bem, o que nós brasileiros chamamos de sorvete é o produto industrializado, vendido em potes ou em sorveterias. Essa sobremesa tem mais açúcar e gordura do que as versões artesanais. Além disso, ela ainda contém aromatizantes e corantes artificiais — como a maioria dos alimentos ultraprocessados.

Ademais, ele é servido bem gelado, a cerca de -20 °C. Isso faz com que nossas papilas gustativas nem sempre consigam perceber bem o sabor do doce, ainda que ele seja rico em açúcar. O sorvete tradicional ainda tem outro ingrediente importante: o ar.

Inserido para deixá-lo mais fofo, o ar ocupa boa parte do pote do sorvete. Em entrevista ao jornal A Cidade de Araraquara, o chefe de cozinha Tiago Pedicini explica que a presença de ar em um pote de sorvete chega a 25% do volume total do produto.

O que é sorbet?

O sorbet tem como base apenas água e frutas. Não há leite na receita — o que é uma ótima notícia para quem tem intolerância à lactose. Se você quiser tentar fazer um sorbet em sua casa, pode bater em um triturador ou liquidificador alguns pedaços de frutas congeladas com um pouco de água fria. É possível fazer essa receita usando morangos, por exemplo.

No entanto, chocolates e amêndoas também são ingredientes comuns nas receitas italianas. É por isso que o sorbet também pode ser rico em gorduras e açúcares, dependendo dos ingredientes usados.

O que é gelato?

Fonte: ShutterstockFonte: Shutterstock

O gelato é feito tendo como base o leite — ou derivados, como o creme de leite. A principal diferença entre ele e o sorvete tradicional, como aquele que compramos no supermercado, é o modo de preparo e a escolha desses ingredientes.

Por ter um processo mais artesanal, o gelato prioriza produtos frescos e não inclui aditivos, como corantes, aromatizantes ou estabilizantes artificiais na receita. Ainda existe a presença de ar para deixar a massa macia, mas ela é inserida naturalmente, mexendo a massa.

Os níveis de açúcares e gorduras vão variar de acordo com os ingredientes usados. Ele é servido em uma temperatura menos fria do que a versão industrial: cerca de  -14 °C.

O que é frozen yogurt?

Há ainda outra sobremesa na nossa lista: o frozen yogurt, ou iogurte congelado. Como o nome sugere, a base desse doce é o leite fermentado, por isso, ele é como se fosse um sorvete, mas com um sabor mais ácido. Trata-se de um produto muito popular nos EUA que ficou famoso no Brasil nos últimos anos tanto em versões mais industrializadas quanto artesanais.

More in Fatos&Fatos.com