Qual o segredo de uma boa publi no Twitter?

SIM! Ele é da época que o Twitter era tudo mato 😉 Como ele mesmo gosta de falar, não existia nem o botão de retweet naqueles tempos 😱. Um ano depois, o tuiteiro começou a postar com mais frequência, comentando sobre os programas da TV que estavam em alta na época e viu sua conta crescer. Hoje, o Lucas Freitas já possui mais de 450 mil seguidores!!

“Tudo foi acontecendo de um jeito muito natural e impensado, numa época que quem tava bombando por lá eram os Youtubers tipo PC Siqueira e Kéfera, tava eu lá no meio hahaha” 

Luquinha nos contou que no início a rede era “terra de ninguém”, onde qualquer pessoa entrava e falava o que queria sem preocupações, e essa é a causa do cancelamento de muitos criadores em 2021. Atualmente, os usuários estão mais empáticos e a própria rede foi se moldando a essa mudança. O criador acredita que o Twitter vem se mostrando um espaço democrático, onde todos têm seu lugar e o convívio das gerações é muito interessante. Isso tudo faz com que as “bolhas” sejam estouradas de modo mais fácil no Twitter do que em outras redes, e esse encontro de ideias diferentes ocorre de maneira rápida, o que é bem bacana, segundo Lucas.

“O Twitter é uma rede social que não para de mudar, ele já teve seus altos e baixos e vive nesse loop de ‘tá morto’, ‘tá vivo’. É muito comum eu ouvir a pergunta ‘nossa, mas o Twitter ainda existe?’. Ele não só existe como tá muito pulsante, e o momento em que o mundo se encontra faz ele bombar mais ainda, politicamente falando, e também com tantas coisas acontecendo no mundo como a pandemia e etc.”

https://www.instagram.com/p/CGfS8bXF7bK/

No momento em que os blogs estavam no auge, meados de 2010, a ideia de criadores de conteúdo ainda não era muito bem comentada. O Twitter ainda era uma rede em ascensão, e seus criadores não tinham tanto reconhecimento quanto youtubers e blogueiros. Foi apenas em 2013 que Luquinha recebeu a primeira proposta de ação remunerada na rede e a partir disso não parou mais.

Lucas nos contou que a forma como o conteúdo é entregue aos seguidores é o diferencial quando se fala em parcerias na rede. “Uma publicidade para o feed no Instagram fica lá e demora para se perder, e ainda pode voltar a aparecer na timeline por 2 ou 3 dias, dependendo da boa vontade do algoritmo, cenário bem diferente no Twitter. Um post no Twitter se perde em questão de minutos, e é isso que precisa ser trabalhado na hora de fazer uma ação por lá”. 

Publicidade além das Hashtags

Para Luquinha, a publicidade no Twitter é muito mais que uma postagem, é preciso gerar uma conversa que chame a atenção das pessoas para o que está sendo falado. Ele acredita que é muito difícil fazer ações para marcas com apenas um tweet, ele como criador prefere fazer no mínimo três postagens para que o público fique bem ciente do que ele está falando. Além disso, os poucos caracteres também contribuem para que um maior número de tweets sejam necessários.

O criador percebe que atualmente as marcas estão começando a entender melhor o modo como funciona o Twitter para suas ações publicitárias, percebendo que não basta apenas soltar um conteúdo e torcer para que dê certo. Ele ainda nos conta que antigamente as empresas queriam emplacar hashtags nos trending topics, mas não sabiam como fazer isso acontecer. Hoje elas já reconhecem que é preciso criar uma hashtag que faça sentido para os usuários.

“Por que alguém usaria a hashtag #EuGostoDeNotebooks num Tweet, sabe? É preciso um incentivo a mais, muitas vezes um benefício em troca do uso da hashtag. Um cupom, um retweet do seu criador preferido, uma história legal contada e que vai aparecer em tal lugar se você tuitar usando a hashtag, e assim por diante”.

Como fazer uma boa publi no Twitter?

Lucas nos contou que já fez ações usando o Twitter como uma “segunda tela” para comentar sobre o episódio de uma série, por exemplo, e que outro fator importante para uma ação na rede é o momento certo de subir uma publi. Se, por exemplo, estiver acontecendo algo no mundo que virou o principal assunto do site, a publicidade vai ser engolida por ele e ninguém vai prestar atenção. É preciso estar atento ao timing do que está acontecendo na rede para entender se é o momento certo de postar ou não o conteúdo. Luquinha sugere sempre uma boa conversa entre o criador e a marca para resolver essas questões. 

“O segredo de uma publi de sucesso é ela ser moldada por quem entende como o Twitter funciona. Saber que o público do Twitter tem uma identificação MUITO grande com o criador em questão, a nível de se sentir amigo, e que se a publicidade conseguir conversar com o conteúdo que o criador costuma postar é mil vezes melhor do que algo que não faça sentido no universo daquele creator.”

Só um DINOSSAURO dessa plataforma mesmo pra entender tão bem como as coisas funcionam na terra do passarinho azul 🤪 Já dá pra pegar essas dicas e arrasar na parceria com marcas dentro da plataforma. Valeu, Luquinhaaaaaa!

* Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Criadores iD

More in Fatos&Fatos.com