Qual a diferença entre mármore e granito?

As pedras nobres fazem parte do imaginário de uma casa bonita e bem arrumada, assim como nos remetem à riqueza, muito por conta das estátuas gregas esculpidas no material. Mas, geralmente, só sabemos que grande parte das diferenças entre o mármore e o granito são refletidas no seu valor de mercado.

Assim, é comum utilizarmos mármore e granito em diversos segmentos da construção, porém poucas pessoas sabem a real diferença entre uma pedra e outra. Caso você se encontre neste grupo, saiba como diferenciar os dois!

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

As principais diferenças entre mármore e granito

Apesar de ambos serem utilizados na finalização de uma obra, eles possuem características específicas para fazer com que eles se destaquem em ocasiões e situações próprias.

Enquanto o granito é uma rocha magmática, resistente e bastante compacta, o mármore é uma rocha metamórfica. A própria formação de cada um deles também possui especificidades: enquanto o primeiro é criado por meio resfriamento do magma, o segundo surge por meio da exposição de calcário a altas temperaturas, além de pressão de baixa à moderada.

A durabilidade deles também merece ser destacada. Quando utilizamos a Escala Mohs (tabela criada em 1812 pelo alemão Friedrich Mohs para determinar os graus de dureza de variados materiais encontrados na natureza), vemos que o mármore possui grau de dureza na escala 3 de 10, enquanto o granito alcança 7 de 10. Para se ter uma ideia, o diamante é o material mais duro da escala (10 de 10), sendo riscado apenas por ele mesmo.

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Aliás, você mesmo pode fazer um teste para verificar essa questão. Pegue a ponta de uma chave, por exemplo, e faça um risco leve na superfície da pedra: caso encontre uma marca, estará diante do mármore, e se ficar mais ilesa ao processo é um granito.

Também podemos apontar a questão de desgaste, o que indica onde cada um pode ser usado. O granito, por exemplo, fica bem como um piso por suportar melhor o atrito, mas o mesmo não pode ser dito do mármore — a menos, claro, que ele receba algum tratamento especial para evitar riscos em sua superfície.

More in Fatos&Fatos.com