Invocação do Mal – História real e a ordem cronológica dos filmes

Em primeiro lugar, Invocação do Mal é um filme estadunidense de terror, dirigido por James Wan. Contudo, trata-se também do nome de uma saga cinematográfica chamada Universo The Conjuringing. Em outras palavras, esse é o título original em inglês, que acabou apelidando a série de filmes ainda em produção.

Nesse sentido, os filmes focam em dois investigadores paranormais mundialmente conhecidos. Basicamente, ambos são contratados para investigar fenômenos sobrenaturais que acontecem com a família Perron, moradores de uma cidade pequena chamada Harrisville. Curiosamente, muitos críticos consideram esses filmes com os melhores do gênero terror.

Desse modo, tornou-se um sucesso da indústria e continua ganhando renovações. No geral, os filmes se passam em épocas diferentes, apesar de manter os atores e o enredo principal citado anteriormente. Portanto, apesar do primeiro filme ser de 2013, a história em si se passa em 1952 e assim por diante.

Invocação do Mal - a história real e a ordem cronológica dos filmes
Fotografia da Família Perron – Fonte: TecMundo

A história real que inspirou Invocação do Mal

Comumente, filmes de terror que começam ou terminam com “baseados em fatos reais” adicionam uma camada maior de interesse aos fãs. Nesse sentido, cabe citar que o enredo de Invocação do Mal é proveniente de uma história verídica. Porém, como é comum ao cinema acontece que houveram mudanças para maior dramatização nos cinemas.

A princípio, a história real por trás do filme envolve a citada família Perron, formada por Roger e Carolyn, mas também pelas cinco filhas. Desse modo, a família comprou e passou a habitar uma casa antiga localizada em Rhode Island nos Estados Unidos, a aprtir de 1970. Entretanto, desde o momento da chegada sentiram que algo estava errado com o local.

Em resumo, o imóvel tinha um passado drástico, um evento que deu fama de “A Antiga Propriedade Arnold” ao local. Sendo assim, rapidamente os primeiros eventos sobrenaturais começaram a acontecer. Sobretudo, os registros narram sobre vozes, objetos se movendo e até camas levitando.

Além disso, a família relatou que suas filhas brincavam com os fantasmas. Por outro lado, sentiam cheiros estranhos, que variavam entre carne podre e aroma de flores. Entretanto, novos fenômenos sobrenaturais começaram a acontecer, com seres malignos causando incômodos e impedindo o sono da família.

Eventualmente, a mãe da família Perron pesquisou sobre o histórico do imóvel e descobriu que haviam oito gerações da mesma família vivendo e morrendo na casa. Ademais, mortes misteriosas como assassinatos e suicídios ocorreram no local. Sendo assim, cansados das perturbações, o casal busca a ajuda dos detetives paranormais Ed e Lorraine Warren.

Invocação do Mal - a história real e a ordem cronológica dos filmes
Ed e Lorraine Warren – Fonte: TecMundo

Qual o desfecho dessa história?

Apesar de que no filme Invocação do Mal o casal de detetives consegue ajudar a família, na vida real não foi bem assim. Por fim, ambos não conseguiram auxiliar no caso e os Perron continuaram sendo atormentados por fantasmas. Aliás, os vizinhos relatam que a presença dos detetives piorou a situação, porque as assombrações ficaram mais violentas.

Portanto, os Warren finalizaram o trabalho sem sucesso, mas a família se manteve na residência por não ter condições de fazer uma mudança. Contudo, os registros contam que eles permaneceram na casa até 1980, quando conseguiram se mudar para a Geórgia.

Posteriormente, outras pessoas passaram a habitar a residência, também relatando problemas com assombrações. Além disso, quando os filmes começaram a estrear alguns moradores tiveram problemas com fãs invadindo o terreno para ver de perto o cenário do filme.

Curiosamente, a família Perron e a investigadora Lorraine Warren auxiliaram na produção do primeiro filme, supervisionando o processo. Ademais, Andrea Perron escreveu três livros sobre a experiência, afirmando que muitos elementos presentes no filme são reais, apesar de mais leves do que na realidade.

Qual a ordem cronológica dos filmes?

Por fim, há uma dúvida recorrente sobre por onde começar a ver a franquia. Nesse sentido, há um caminho comum, guiado pela ordem cronológica da história. Em primeiro lugar, deve-se assistir A Freira, que se passa em 1952 e foi divulgado em 2018. Basicamente, a produção narra o ataque demoníaco sofrido por duas freiras católicas romanas e a investigação do caso.

Logo em seguida, vêm o filme Annabelle 2, que se passa em 1955 e foi divulgado em 2017. Sobretudo, a segunda obra da saga da boneca conta sobre a criação e a maldição envolvendo o brinquedo. Posteriormente, indica-se assistir o primeiro filme de Annabelle, que por sua vez acontece em 1966 apesar de ter ido ao ar em 2014.

Desse modo, o filme apresenta a mesma cena de abertura d e Invocação do Mal, em 1968, onde duas mulheres e um homem narram as experiências vividas com Annabelle. Sendo assim, a história se passa a partir desses relatos. Por consequência, o filme Invocação do Mal vem logo em seguida, com ambientação em 1967 e divulgação em 2013.

No geral, o filme começa em 1968 com a história de Ed e Lorraine Warren investigando o caso de Annabelle e somente depois se encaminha para a situaçãoda família Perron em Rhode Island. Por fim, os filmes Annabelle 3, A Maldição da Chorona e Invocação do Mal 2 devem ser assistidos em seguida, necessariamente nessa ordem.

E aí, gostou de conhecer sobre Invocação do Mal? Então leia sobre Cidades medievais, quais são? 20 destinos preservados no mundo.

Fontes: Omelete | Aventuras na História | TecMundo | Wiki

Imagens: Omelete | TecMundo

More in Fatos&Fatos.com