História da pasta de dente – Origem e evolução do item de higiene

A história da pasta de dente começa ainda antes da história das escovas de dentes. Isso porque a ideia de usar misturas de ervas para fazer a higiene bucal surgiu ainda antes das primeiras civilizações pensarem no processo de escovação.

O primeiro histórico do uso de algo semelhante a uma pasta de dente data do século IV a.C., no Antigo Egito. O texto faz referência a um produto utilizado para deixar os dentes mais brancos, com utilização de sal, pimenta, folhas de menta e flores de íris.

Desde então, a história viu diferentes fórmulas para os cremes dentais primitivos, até chegarmos na forma atual.

História da pasta de dente

História da pasta de dente - origem e evolução do item de higiene
Realms of History

A princípio, a pasta de dentes era feita a partir da mistura de ervas, flores e temperos. No entanto, diferentes civilizações experimentaram receitas com diferentes compostos, incluindo giz, sal, farelos de pão queimado ou tijolo triturado.

Em Roma, os cremes dentais ficaram ainda mais populares e chegaram ser fabricados com urina humana, na intenção de clarear os dentes. Outras receitas da época incluam uso de vinagre, mel, sal e até mesmo caco de vidro.

A história da pasta de dente como conhecemos hoje em dia, no entanto, só surgiu na metade do século XIX.

Invenção da pasta de dente

História da pasta de dente - origem e evolução do item de higiene
Dr Sheffield’s

Em 1850, o médico e farmacêutico britânico Washington Sheffield Wentworth criou uma espécie de composto armazenado num tubo como conhecemos atualmente.

Apesar de ter dado início ao formado da pasta de dentes como conhecemos hoje, o composto era, na verdade, um pó. Foi o filho do inventor, Lucas Sheffield, que modificou a forma inicial e criou o tubo flexível.

Em 1892, a pasta de dentes Dr. Sheffied passou a fazer sucesso e foi comprada pela Colgate & Company, apesar de ainda não usava o flúor como principal elemento. O fluoreto só passou a ser utilizado cerca de 50 anos depois e, a partir de 1901, a história da pasta de dentes ganha um novo capítulo definitivo.

Pasta de dente moderna

História da pasta de dente - origem e evolução do item de higiene
First Versions

A invenção da família Sheffield ficou extremamente popular a partir da eclosão da Primeira Guerra Mundial. A partir da década de 50, a empresa Procter & Gamble passou a focar na criação das pastas com flúor, aumentando ainda mais o alcance da pasta de dentes nas famílias.

Desde então, a história da pasta de dentes conta com poucas mudanças significativas. Ainda que as marcas de hoje gostem de misturar técnicas, sabores e vantagens, todas elas usam o flúor como base do composto.

Além disso, as pastas atualmente oferecem outras benefícios, como clareamento, melhora do hálito, combate a placas, sabores variados e redução da sensibilidade dos dentes, por exemplo.

Fontes: Inco25, Terra, Amo Odontologia, Origem das Coisas

Imagens: First Versions, Realms of History, Dr Sheffield’s, Illinois Poison Center

More in Fatos&Fatos.com