fbpx

Escocês adota gata abandonada como colega de viagem pelo mundo

Durante uma viagem de bicicleta ao redor do planeta, o escocês Dean Nicholson, de 31 anos, teve uma grata surpresa de percurso ao se deparar com uma gatinha abandonada próximo à fronteira de Montenegro. O encontro resultou em uma fantástica amizade, e o animal não demorou a ser adotado como companheiro de aventuras do rapaz.

Dean acabou batizando a gata de Nala, em homenagem à icônica personagem de Rei Leão, e os dois passaram a explorar o mundo juntos, sempre registrando fotos de cartões-postais com a felina como grande protagonista. A jornada rendeu, inclusive, um livro exclusivo, Nala’s World, que narra a história da dupla e suas peripécias por diversos países.

(Fonte: 1bike1world / Instagram)
(Fonte: 1bike1world/Instagram/Reprodução)
(Fonte: 1bike1world / Instagram)
(Fonte: 1bike1world/Instagram/Reprodução)

“Então, quando eu estava chegando à fronteira de Montenegro, ouvi um miado energético me perseguindo, tentando chamar minha atenção. Estávamos a cerca de 19 quilômetros da cidade mais próxima, então era óbvio que alguém a tinha abandonado”, escreveu o aventureiro em suas redes sociais.

(Fonte: 1bike1world / Instagram)
(Fonte: 1bike1world /Instagram/Reprodução)
(Fonte: 1bike1world / Instagram)
(Fonte: 1bike1world/Instagram/Reprodução)

Segundo o escocês, Nala foi levada para um veterinário assim que foi encontrada para verificar se havia um microchip instalado, a fim de rastrear sua origem. Porém, os detectores não encontraram dispositivos, e a fofinha acabou se tornando parceira de Dean.

A líder da expedição

A adoção da gata surgiu como um imprevisto para seu dono, que teve que utilizar novas medidas de transporte para sua viagem. Em poucos dias, a felina passou a ser a grande líder da expedição, e os pequenos atrasos de percurso foram encarados como momentos de lazer e exploração para a pet, além de alimentação, descanso e cuidados com a higiene.

(Fonte: 1bike1world / Instagram)
(Fonte: 1bike1world/Instagram/Reprodução)
(Fonte: 1bike1world / Instagram)
(Fonte: 1bike1world/Instagram/Reprodução)

“Ela me ensinou a desacelerar e aproveitar muito mais a vida. Tendo ela na bicicleta, suas necessidades vêm em primeiro lugar e isso atrasou o passeio, mas agora paramos e brincamos muito. Se houver floresta, paramos e nos divertimos, e ela também adora correr pela praia”, disse Dean.

Atualmente, os registros fotográficos da jornada são postados no perfil do Instagram da dupla, que já conta com mais de 860 mil seguidores.

More in Fatos&Fatos.com