Descobertas de Galileu Galilei – Principais contribuições do inventor

Em primeiro lugar, as descobertas de Galileu Galilei estão associadas ao seu campo de atuação. Nesse sentido, o principal destaque fica para a teoria do Heliocentirsmo, que determinou que a Terra orbita ao redor do Sol.

Mais do que desbancar uma teoria medieval a respeito do Universo, esse astrônomo italiano desenvolveu teorias e pensamentos para outras áreas. Em especial para a Física, pois desenvolveu instrumentos essenciais à medição dos corpos na natureza.

Antes de mais nada, Galileu Galilei nasceu no ano de 1564, na cidade de Pisa, Itália. Ainda que seu pai tenha o matriculado na Universidade de Medicina, esse importante astrônomo entrou em contato com as Ciências Exatas e largou a carreira para aprofundar seu conhecimento nessa área.

Desse modo, foi um importante físico e engenheiro, conhecido por alguns como o pai da astronomia observacional, da física moderna, do método científico e até da Ciência Moderna. Eventualmente, veio a falecer em 1642, aos 77 anos. Entretanto, deixou um importante legado aos estudiosos que o sucederam.

Descobertas de Galileu Galilei

Como citado anteriormente, esse estudioso explorou incontáveis áreas do conhecimento ao longo de sua carreira enquanto inventor. Nessa perspectiva, vale lembrar que seus trabalhos foram desenvolvidos durante a Idade Média, quando a Igreja Católica dominada a produção de conhecimento.

Sendo assim, o engenheiro italiano enfrentou diversos desafios, chegando até a ser condenado à prisão domiciliar pelo resto da sua vida. Basicamente, esse processo aconteceu porque Galileu apresentou o Heliocentrismo ao mundo, com potencial de desbancar a narrativa católica a respeito do Universo. Confira as suas contribuições para a sociedade:

1) Telescópio

Descobertas de Galileu Galilei - principais contribuições do inventor
Fonte: Tecnoblog

No geral, essa descoberta de Galileu Galilei foi fundamental para o desenvolvimento do modelo heliocêntrico. Em especial, foi através dessa ferramenta que o astrônomo conseguiu identificar os movimentos de outros corpos celestes e compreender que a Terra não poderia estar no centro.

Basicamente, essa descoberta se deu a partir do aprimoramento da luneta, outro instrumento utilizado para observação do céu. Apesar disso, a autoria do telescópio está associada ao fabricador de lentes Hans Lippershey. Entretanto, foi Galileu Galilei quem conseguiu manusear o instrumento e aplicá-lo para a astronomia.

2) Heliocentrismo, a principal descoberta de Galileu Galilei

Descobertas de Galileu Galilei - principais contribuições do inventor
Fonte: Rádio Metrópoles

Como citado anteriormente, o telescópio foi um importante aliado na descoberta do heliocentrismo. Desse modo, a conclusão de que a Terra não estava no centro do Universo se deu a partir de uma série de observações astronômicas, por meio do método observacional.

Em outras palavras, por meio do telescópio, Galileu conseguiu identificar os satélites de Júpiter, a superfície lunar, as fases de Vênus e até as manchas do Sol. A partir disso, concluiu que a Terra era um corpo orbitando ao redor do Sol.

Entretanto, ao defender sua tese à comunidade científica, ele foi acusado de heresia. Em resumo, a Igreja Católica nessa época pregava que a Terra era o centro do universo dentro da narrativa religiosa, além de controlar toda produção de conhecimento a favor desse discurso.

Sendo assim, Galileu foi perseguido e forçado a negar as suas teorias. Além disso, a Igreja Católica o sentenciou à prisão domiciliar perpétua, até sua morte em 1642. Entretanto, o Papa João Paulo II reconheceu o erro da instituição pela condenação do engenheiro italiano e o absolveu, mas somente no ano de 1992.

3) Termômetro

Descobertas de Galileu Galilei - principais contribuições do inventor
Fonte: Prepara Enem

Basicamente, a descoberta de Galileu Galilei é considerada um termoscópio, uma espécie de antecessor do termômetro que conhecemos hoje. Nesse sentido, apresenta uma aparência diferenciada, tendo sido desenhada pelo próprio astrônomo.

Em primeiro lugar, se tratava de um tubo com água, contendo bolhas também com água e coloridas por corantes de diferentes temperaturas. Desse modo, quando ocorria variação de temperatura externamente ao material, algumas bolhas subiam e outras desciam em uma reação química natural, pois as matérias mais frias afundam e as mais quentes flutuam.

No geral, a bolha de água que permanece no meio indicava a temperatura ambiente. Além disso, essa descoberta foi essencial para o desenvolvimento dos outros modelos de termômetros, e o estudo da interação entre elementos químicos em diferentes temperaturas.

4) Luas de Júpiter, a descoberta de Galileu Galilei por meio da observação

Fotografia das Luas de Júpiter para ilustração do item
As luas de Júpiter – Fonte: Revista Galileu

Também através do telescópio, essa descoberta de Galileu Galilei aprofundou os estudos da astronomia. Inicialmente, o astrônomo italiano observou com esse instrumento o que ele mesmo descreveu como “três estrelas fixas, totalmente invisíveis por sua pequenez”. Entretanto, observações sequenciais mostraram que a posição desses corpos celestes mudavam em relação à Júpiter.

Além disso, o engenheiro italiano percebeu em certo ponto de suas análises que uma delas parecia ter desaparecido, mas supôs que estava escondida atrás de Júpiter. Assim, concluiu que essas estrelas estavam orbitando ao redor do planeta, o que acabou se concretizando como a descoberta de três das maiores luas de Júpiter. Além disso, descobriu o quarto satélite alguns dias depois.

5) Teoria da Queda Livre dos Corpos

Fotografia da Torre de Pisa para ilustração do item
Fonte: Hypeness

Por fim, outra importante descoberta de Galileu Galilei foi a Teoria da Queda Livre dos Corpos. Basicamente, essa linha de pensamento afirmava que todos os corpos, independentemente de seu peso, caem juntos quando abandonados a uma certa altura. Entretanto, o engenheiro chegou à conclusão de que isso aconteceria em ambientes a vácuo, ou seja, sem interferência do ar.

Nesse sentido, existem histórias que narram testes feitos pelo astrônomo. Mais especificamente, na Torre de Pisa, na Itália. De acordo com essas versões, o inventor teria subido ao topo da torre no ano de 1590 e soltado lá de cima uma bola de chumbo e uma bola de madeira, simultaneamente. Como consequência, ambos chegaram quase ao mesmo tempo ao chão.

Ainda que a narrativa sobre essa experiência não seja concreta, a teoria do astrônomo italiano foi pioneira nos estudos sobre a Física Moderna. Eventualmente, astronautas que foram à Lua comprovaram a linha de raciocínio do astrônomo por meio de experimentos semelhantes.

E aí, gostou de conhecer as descobertas de Galileu Galilei? Então leia sobre Invenções brasileiras – Quais são as principais criações nacionais.

Fontes: Escola Kids | Stoodi

Imagens: Hypeness | Aventuras na História | Brasil Escola | Revista GG | Prepara Enem | Tecnoblog |

More in Fatos&Fatos.com