A cor da sua roupa pode atrair mais picadas de mosquitos

Parece piada, mas a cor das suas roupas pode influenciar que mosquitos se interessem mais ou menos em picar você. Ao menos foi o que mostrou um estudo da Universidade de Washington, nos EUA.

Publicado pela revista científica Nature Communications, o artigo sugere que as cores vermelho, preto e ciano atraem muito mais mosquitos. Na contramão, verde, roxo, azul e branco seriam cores ignoradas pelos insetos.

Leia também: Por que algumas pessoas são mais picadas por mosquitos do que outras?

Odores atraem mosquitos, mas a roupa seria o golpe final

(Fonte: UTFPR)(Fonte: UTFPR)

Quando os mosquitos cheiram compostos específicos, como o CO2 da nossa respiração, seus olhos são estimulados a procurar cores específicas e outros padrões visuais associados a um hospedeiro em potencial. O estudo mostrou que além da respiração, do suor e da temperatura da nossa pele, algumas cores influenciariam a chegada de mosquitos.

A pesquisa conduzida por Jeffrey Riffell, professor de biologia da Universidade de Washington, pode ajudar a explicar como mosquitos encontram seus hospedeiros. Isso porque, independente da pigmentação, a pele humana emite um forte “sinal” vermelho-alaranjado para os olhos deles. Sendo assim, determinadas cores de roupas potencializariam esses estímulos visuais aos pernilongos.

Estudo foi conduzido com mosquito Aedes aegypti

(Fonte: CDC)(Fonte: CDC)

Vetores da dengue e febre amarela, os mosquitos fêmeas da espécie Aedes aegypti foram os analisados pelos pesquisadores do estudo. Em seus experimentos, cada um deles foi observado individualmente em câmaras de teste em miniatura. Em cada uma delas, odores específicos foram pulverizados e apresentados com diferentes padrões visuais, como partes do corpo humano ou um ponto colorido.

Nas situações em que não havia estímulo de odor, os Aedes aegypti ignoraram um ponto no fundo da câmara, independente da cor. Estimulados olfativamente, seguiram ignorando os pontos de cor verde, azul e roxo, mas indo em direção ao vermelho, laranja, preto ou ciano. Estas cores foram escolhidas por corresponderem a comprimentos de onda mais longos de luz.

Evitar cores e cobrir mais partes do corpo ajuda a evitar picada

(Fonte: Getty Images/NPR/Reprodução)(Fonte: Getty Images/NPR/Reprodução)

Segundo Jeffrey Riffell, o olfato das fêmeas — as responsáveis pelas picadas — é determinante para escolherem quem irão picar. Contudo, as cores apontadas como “fatores de risco” ampliariam a atração dos animais pelos humanos.

O estudo ainda é inconclusivo em apontar se os animais voadores possuem a capacidade de identificar as cores como os humanos, ainda que já tenha ficado claro que as que apresentam maior comprimento de onda de luz são mais atrativas. Jeffrey, que afirma que a pergunta a qual mais responde é “como impedir que seja picado?”, crê que talvez tenha, finalmente, encontrado a resposta à “pergunta de um milhão”.

Riffell indica que uma forma de prevenção, então, seria evitar roupas vermelhas, diminuindo o potencial de atração dos pernilongos, além de cobrir mais partes do corpo com cores de outras tonalidades. Contudo, o professor alerta que mais pesquisas são necessárias para determinar como outras pistas visuais e olfativas também impactam e tornam os mosquitos mais atraídos por um potencial hospedeiro.

More in Fatos&Fatos.com

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2020 powered by fatos&fatos.com.